A Revista NAVIGATOR é dirigida a professores, pesquisadores e alunos de História e tem como propósito promover e incentivar o debate e a pesquisa sobre temas de História Marítima no meio acadêmico.





Tentativas de paz na Guerra do Paraguai

Francisco Doratioto
Professor no Departamento de História da Universidade de Brasília e Bolsista em Produtividade de Pesquisa do CNPq. É membro do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro, da Academia Paraguaya de la Historia, da Academia Nacional de la Historia (Argentina) e do Instituto de Geografia e História Militar do Brasil.


RESUMO
O artigo analisa três tentativas de estabelecer um armistício durante a Guerra do Paraguai, para levar as partes em disputa a negociar a paz. Duas dessas tentativas – dos Estados Unidos e de repúblicas sul-americanas – foram intencionais e uma foi resultado das circunstâncias. Todas essas tentativas falharam, quer porque ocorreram quando Francisco Solano López tinha expectativas em relação ao desenrolar da guerra, quer porque somente a vitória militar garantia ao Estado Monárquico brasileiro que seus objetivos não seriam comprometidos.

PALAVRAS-CHAVE: Guerra do Paraguai; paz na Guerra do Paraguai; diplomacia e guerra

 

(Veja o artigo na íntegra na versão PDF)

ABSTRACT
This article analyzes three attempts to reach an armistice during the Paraguay War in order to bring the Parties in the dispute to negotiate peace. Two of these attempts – from United States and South American republics – were intentional and one resulted from the existing circumstances. All of these attempts have failed, either because they happened when Francisco Solano López had positive expectations regarding the war, or because to the Brazilian Empire only victory could guarantee the Monarchic State’s objectives not to be jeopardized.

KEYWORDS: War of Paraguay; Peace in War of Paraguay; diplomacy and war