A Revista NAVIGATOR é dirigida a professores, pesquisadores e alunos de História e tem como propósito promover e incentivar o debate e a pesquisa sobre temas de História Marítima no meio acadêmico.





A Conquista de Caiena – 1809
Retaliação, expansão territorial ou fixação de fronteiras?

Arno Wehling
Doutor em História pela Universidade de São Paulo, livre docente em História Ibérica e pós-doutor em História nas Universidades do Porto e Portucalense. É professor titular aposentado da Universidade Federal do Rio de Janeiro e da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Atualmente é professor titular da Universidade Gama Filho e professor visitante da Universidade de Lisboa, conselheiro do IPHAN/ Ministério da Cultura e presidente do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro. É também membro da Academia das Ciências de Lisboa, Academia Brasileira de Educação e de institutos históricos brasileiros e academias ibero-americanas de História.


RESUMO
Este artigo investiga os objetivos e explicações que podem ser admitidos para a conquista de Caiena por tropas saídas do Pará, com apoio naval inglês, em janeiro de 1809. Pelo menos três opções, mais e menos verossímeis, colocam-se à mesa: uma retaliação aos franceses, praticamente a única viável; um objetivo geopolítico mais amplo, como incorporar a Guiana e torná-la plataforma de uma presença portuguesa no Norte da América do Sul e no Caribe; e um objetivo geopolítico mais restrito, o de fixar a fronteira pelo Oiapoque, garantindo um amplo território ao Norte de Macapá, aumentando assim as condições de segurança da bacia e da foz do Amazonas.

PALAVRAS-CHAVE: Caiena, Política Externa, Príncipe Regente Dom João

ABSTRACT
This paper examines the objectives and explanations admitted to the conquest of Cayenne by troops from Pará, using english naval support, in january 1809. We have at least three options, more or less credible: a retaliation to the french, probably the only possible; a wider geopolitical goal, how to incorporate French Guiana and make it a stronghold for the portuguese presence in the noth of South America and Caribbean; and a narrower geopolitical goal, secure Oiapoque’s border by, securing a broad territory north of Macapá, thereby increasing the safety conditions of the Amazon’s moutn and estuary.

KEYWORDS: Cayenne, Foreign Policy, Regent Prince João

A conquista de Caiena por tropas saídas do Pará, com apoio naval inglês, consumou-se em janeiro de 1809. Que explicações podem ser admitidas para tal fato?

A conquista de Caiena em 1809, que levou à dominação da Guiana Francesa até 1817, foi precedida de dois atos políticos formais, um declarando nulos tratados com a França e outro de declaração de guerra à França.

Em 1o de maio de 1808 o Príncipe Regente Dom João lançou manifesto antifrancês, no qual rompia com os tratados assinados com a França na época da Revolução.
Uma rápida referência à questão dos tratados com a França do Diretório e do Consulado pode contribuir para esclarecer alguns pontos.

(Veja o artigo na íntegra na versão PDF)